sábado, setembro 16, 2006

Amar e Ser Amado

Amar e Ser Amado
Mônica Ferreira Camargo

Te espero para sonhar
e com realidade de amar
transcender tênue limiar
no universo amor paixão
fronteira com o coração

Detenho liberdade de ação
e se camuflo na timidez emoção
com ternura enlaço momentos
com doçura revelo sentimentos

Quero ao somar diferenças
um amor sem abalar crenças
e ao vivê-lo apaixonadamente
sensível me alcance docemente

Sob avalanche de carinhos
e por teus braços rodeada
diluirei o abismo de carências
nascentes em tua inexistência
enquanto me perdia na busca
por intuição delineada
perfil da pessoa amada
presença tão esperada
só agora encontrada

Enaltecendo atos de vivência
amor por mim foi e é cultuado
Almejo retê-lo n'alma tatuado
embalando coração apaixonado

Que nos portais da paixão
encontres em mim direção
e aqui...acolá...em algum lugar
possamos ao amor contemplar
refletido no brilho do nosso olhar
antes...durante...e depois de amar
Alcancei amor que esperava
e em sonhos desafiava realidade
chega com felicidade
com intensidade sincera
e quando digo te amo
tua boca diz idem e olhar sente
que realmente não mentes

Trilhamos caminhos diferentes
por tantas vezes indiferentes
sem emoções à compartilhar
Mas adiante... nova estrada
aguarda por nossa caminhada
com sorriso franco na face
sem tristeza que ameace

É sempre tempo de amar
e o amor vencerá impasses
Sementes de amor plantadas
e pela vivência regadas
tempo fertiliza com sabedoria
e aponta instante de colheita
na conquista da emoção perfeita
que eternidade de amar aceita

Amor trancado no peito
modelado sendo ao nosso jeito
retrata identidade do ser amado
e quando em abraço apertado
num beijo longo bem demorado
se rende enfim aos prazeres
de amar e ser amado
sem jamais importar
o quanto foi esperado

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ANTES DE SAIR DEIXE SEU COMENTÁRIO