terça-feira, fevereiro 24, 2009

Súplica de amor


Paciência? Como assim? Pedes-me paciência!
Diga-me! Como acalmar meu sôfrego coração?
Se loucamente amo o teu ser, tua doce essência?
Se me inspiras desejo, ternura e tanta fascinação?

Ah! Amor! Longos são os dias e as noites sem ti...
E esta interminável espera sangra-me tanto a alma!
Nesta profunda solidão tantas lágrimas eu já verti
Como ter paciência? Se só teu amor me acalma?

Não! Por Deus! Não me peça que seja paciente!
Não posso suportar mais uma noite ou um dia...
Não me condenes a uma espera longa e silente!
Rompa o silêncio e preencha minha vida de alegria!



Oficina de Criações Coletivas – Poesia on-line
Mote proposto por Sunny Lóra - Paciência

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ANTES DE SAIR DEIXE SEU COMENTÁRIO