quarta-feira, fevereiro 22, 2017

WE CAN’T DO IT, GOD CAN


Ah, mulher...
Eu queria que pudesses perceber que confiar na própria força é um grave engano.
Eu queria que pudesses aceitar tuas fraquezas sem se sentir inferior.
Eu queria que pudesses reconhecer que nada podes fazer por conta própria.
Eu queria que pudesses te despir de todo o teu ego e auto-suficiência, no lugar de te despir de tuas roupas em protestos vãos.
Fostes desenhada de modo tão especial pelo Teu Criador, não exponha teu corpo em uma vitrine, nem o venda de forma humilhante a quem insiste em achar que a felicidade está em prazeres momentâneos. Teu preço já foi pago, e não tens consciência de quão alto ele custou.
Teu coração, mulher, é enganoso. Não permita que as paixões te afastem dos teus princípios mais valiosos.
Teu valor não é definido por roupas e jóias caras, mas reconhecerás a verdadeira importância do teu interior quando o entregares ao Dono da vida.
Podes cobrir as imperfeições do teu rosto temporariamente, mas sabes muito bem que Aquele que te conhece inteiramente pode arrancar as feridas mais profundas que tem te assustado.
As tempestades da tua alma não cessarão com livros de auto-ajuda e de falso empoderamento, pois estes são baseados em pensamentos superficiais e rasos. Lança teus anseios sobre Deus e mergulha no Livro mais importante que já existiu, assim, conhecerás a liberdade que tanto procuras.
Direciona teus pensamentos, mulher. Quão fúteis são as coisas que podemos ver! Tudo o que conquistares aqui na terra passará. Tuas vaidades e caprichos não se comparam com as coisas que não podemos tocar ou ver, pois estas são eternas.
Que tu possas encontrar o propósito pelo qual vale a pena viver e morrer, pois só assim entenderás que és fraca, assim como os homens, mas quando aceitares esta fraqueza e passares a depender do Autor da vida, poderás reconhecer que Ele é a tua força, e que, somente quando te esvaziares de ti mesma, serás preenchida pelo Amor.
WE CAN’T DO IT, GOD CAN.
(Não podemos fazer isto, Deus pode.)
~ Larissa Lima
(via: Calvinistas)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ANTES DE SAIR DEIXE SEU COMENTÁRIO