sábado, setembro 16, 2006

A ti entreguei meu coração,
Dentro dele tudo que possuía,
Todas as minhas riquezas,
Meu Amor,
Meus Sonhos,
Minhas Alegrias,
Meus Desejos e Anseios,
E até Meu Sorriso,
Calei a minha voz por um vão momento,
Para ofertar-te todos os meus pensamentos,
E por vários outros momentos
Até as minhas lágrimas,
Dentro dele também estavam as minhas esperanças,
Os Meus Receios e Devaneios,
Entreguei a ti toda minha Ternura,
Meu carinho,
Minha compreensão,
E o maior bem...
MEU IMENSO AMOR,
Partiste sem dizer nada,
Levando contigo meu Coração,
E tudo que dentro dele havia,
Deixando um vazio em meu peito,
E por onde passavas,
Ao longo do caminho,
Deixavas um pedaço de mim
Jogado ao chão,
Abandonastes meu Coração vazio,
Como um cristal sem valor,
Que se quebrou,
E com ele,
Quebrastes as minhas esperanças,
Demolistes os meus sonhos,
Zombastes dos meus receios,
Destruístes o meu sorriso,
Fugistes dos meus carinhos,
E Matastes o meu AMOR.
Como andarilho,
Sem Esperança,
Percorro estradas e rios,
Campos e Cidades,
Em busca de um outro Coração,
Que me faça renascer das cinzas,
E preencha o vazio que você deixou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ANTES DE SAIR DEIXE SEU COMENTÁRIO