domingo, fevereiro 22, 2009



Autor: Antonio Manoel Abreu Sardenberg


Todo seu toque para mim é pouco.
No meu ouvido quero seu sotaque
E se você partir para o ataque
Vou ao delírio como um homem louco!

Quero senti-la suave com meu tato,
Oferecer-lhe todo o meu afeto!
Quero mostrar que meu amor, de fato,
Não é só fita, é terno e bem concreto!

Vou lambuzar-me desse seu sabor,
Senti-la toda com meu paladar,
Fazer silêncio com o meu calar,
Quero fartar-me com o seu amor.

Quero que encha todo o meu olhar
Com sua luz intensa e irradiante,
Quero senti-la inteira por um instante,
Quero viver somente para amar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ANTES DE SAIR DEIXE SEU COMENTÁRIO