segunda-feira, abril 13, 2009

Hoje é o Dia Mundial do Beijo...


Obra de arte criada por Tsang Cheung Shing, de Hong Kong, que mostra um beijo entre duas xícaras de caféFoto: Reprodução

...então, aproveite pra beijar muuuuuuuuuuuito!

E, pra celebrar a data, escrevo aqui algumas curiosidades sobre essa prática tão deliciosa.

♦ Quando a história do beijo começa? Ninguém sabe ao certo. Mas há quatro textos em sânscrito, escritos na Índia por volta de 1.500 a.C., que parecem descrever pessoas se beijando. No Mahãbhãrata, o beijo nos lábios é descrito como sinal de afeto.

♦ O Kama Sutra também dedica um capítulo à arte de beijar, explicando, entre outras lições, que ''não há duração fixa ou ordem estabelecida entre o abraço e o beijo, o aperto e as marcas feitas com as unhas e os dedos''.

♦ Os romanos tinham três categorias para o beijo: osculum (beijo na bochecha), basium (beijo nos lábios) e savolium (beijo profundo).

♦ Na Roma antiga, os casais ficavam noivos beijando-se apaixonadamente na frente de um grupo de pessoas.

♦ Os cristãos com freqüência se cumprimentavam com um osculum pacis, ou beijo sagrado, que causava uma transferência de espírito entre as duas pessoas que se beijavam.

♦ Até 1528, o beijo sagrado era parte da missa católica. No Século 13, a Igreja Católica o substituiu por um cumprimento de paz.

♦ Um beijo carinhoso aciona 17 músculos, enquanto outro mais caliente movimenta 29. A pressão que o rosto de uma pessoa exerce sobre outra chega a 12 quilos.

♦ Sabe-se que a química provocada faz com que um beijo alerte outro. Quando duas pessoas se beijam, os interior de suas bocas e as bordas de seus lábios produzem uma substância química que ''aciona'' mais beijos.

♦ Um estudo da Universidade de Princeton concluiu que o cérebro humano está equipado com neurônios que ajudam a encontrar os lábios de seus amantes no escuro.

♦ Pesquisadores alemães concluíram que aqueles que beijam faltam menos ao trabalho por motivo de doença do que aqueles que não beijam.

♦ Os beijoqueiros também sofrem menos acidentes no trabalho, ganham 20 a 30 por cento a mais e vivem cerca de cinco anos a mais.

Então, tá esperando o que pra comemorar?

Extraido da Net do site: http://www.clicrbs.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ANTES DE SAIR DEIXE SEU COMENTÁRIO