sábado, setembro 16, 2006

Crônica de um Amor , imperfeitamente eterno...


Um grande amor só se pode perder uma vez - para que
ele fique na lembrança como algo infinitamente bom...
Perder um grande amor por uma segunda vez é perder o
encanto e o sonho que todo um grande amor envolve.
Então, o desejo de ver de novo um grande amor esbarra
no medo de perdê-lo novamente.
Como uma grande viagem em que o coração embala a
vontade, que é tanta, e ao mesmo tempo afasta do
pensamento, a presença, ele percorre nossos dias.
Um grande amor só se deve perder uma vez...
Um grande amor! do tempo que amor tinha verbo e o
sujeito sempre era feliz, não deve se perder no tempo
nem deve tentar resgatar segundos.
Os amores nunca serão antigos. Grandes amores não
possuem datas, pois quem data não ama.
Assim deixe um grande amor tomar todo o espaço
conquistado, pois todo o amor possui o seu canto e ele
com certeza será uma saudosa música quando quiseres
embalar boas recordações na varanda de casa.
Um grande amor só se deve perder uma vez... para que
ele seja sempre nosso. Um grande amor deve ser
guardado aonde a cor e o perfume dele sejam
preservados... Um grande amor é como um bom vinho que deve ser degustado com prazer e entendimento... Os grandes amores não se perdem uma segunda vez, eles serão sempre amores a primeira e única vista...
Um grande amor sempre tem lugar em nossa cama, pode sentar sempre a nossa mesa e falar de nossas poesias, nossos encontros e desencontros... Um grande amor faz parte da nossa vida mesmo que não queiramos, mesmo que não mais o tenhamos ao nosso lado.
Ele está guardado a sete chaves em nosso coração. Um
grande amor é inviolável.
Um grande amor tem nome embora muitas vezes não
queiramos mais pronunciá-lo.
Um grande amor só se pode perder uma vez... para
preserva-lo, encanta-lo e possuí-lo com quem bebe
água... Um grande amor nasce e renasce sempre simples e assim deve viver em nossa alma.
Tudo que escrevi só muda se um grande amor for
realmente o grande amor... Daí esqueça tudo e vá a
luta...
Para se viver um grande amor, já dizia Vinícius,
primeiro é preciso sagrar-se cavaleiro, ter a mulher
por inteiro, para viver um grande amor...
Edike Carneiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ANTES DE SAIR DEIXE SEU COMENTÁRIO